O que é vidro temperado? Saiba aqui!

Quando se trata de escolher vidro para uma aplicação específica, seja em sua casa, escritório ou em qualquer projeto de design, entender as diferentes opções disponíveis no mercado é importante.

Neste artigo, vamos explorar o mundo do vidro temperado, um material conhecido por sua resistência e segurança superior.

Desde sua definição, passando por suas aplicações, como identificá-lo, até comparações com outros tipos de vidro, como o laminado, abordaremos tudo que você precisa saber. 

Também responderemos a perguntas comuns, ajudando a esclarecer dúvidas sobre sua durabilidade, custo, espessura ideal e muito mais.

Afinal, o que é vidro temperado?

O vidro temperado é um tipo de vidro que passa por um tratamento térmico ou químico especial para aumentar sua resistência.

Diferentemente do vidro comum, ele é aquecido a temperaturas extremamente altas e então resfriado rapidamente, o que altera sua estrutura interna.

Esse processo não só o torna até cinco vezes mais resistente do que o vidro tradicional, mas também altera a maneira como ele se quebra, fragmentando-se em pequenos pedaços arredondados, o que reduz significativamente o risco de lesões em caso de quebra.

Esse aumento de resistência faz do vidro temperado uma escolha excelente para diversas aplicações onde a segurança e a durabilidade são essenciais.

Por exemplo, é amplamente utilizado em portas de chuveiro, fachadas de edifícios, divisórias de ambientes, vitrines de lojas, e até em alguns tipos de mobiliário.

Além de sua resistência mecânica, o vidro temperado também suporta variações bruscas de temperatura, o que é especialmente útil em ambientes que exigem isolamento térmico ou que estão sujeitos a mudanças rápidas de temperatura.

A fabricação do vidro temperado envolve tecnologia de ponta e precisa ser feita com cuidado e precisão.

Uma vez temperado, o vidro não pode ser cortado ou perfurado, pois isso comprometeria sua integridade e segurança.

Por isso, todas as modificações, como furos ou bordas, devem ser feitas antes do processo de têmpera.

Esse é um detalhe importante para arquitetos, engenheiros e designers de interiores planejarem com antecedência as necessidades específicas de seus projetos.

Optar pelo vidro temperado em projetos e construções não é apenas uma questão de segurança, mas também uma escolha estética.

Sua clareza, resistência e versatilidade o tornam ideal para criar ambientes modernos, iluminados e visualmente mais amplos.

Para que serve o vidro temperado?

O vidro temperado serve a um propósito fundamental: oferecer segurança e resistência em situações e ambientes onde o vidro comum poderia representar um risco.

Sua robustez e a forma como se estilhaça em pequenos fragmentos o tornam ideal para diversas aplicações, desde a construção civil até o design de interiores e a fabricação de utensílios domésticos.

Em primeiro lugar, o vidro temperado é amplamente utilizado em áreas que exigem um material resistente a impactos, como portas, janelas, fachadas de prédios e divisórias.

Sua capacidade de suportar fortes rajadas de vento, impactos acidentais e até tentativas de invasão o torna uma escolha segura para edificações residenciais, comerciais e públicas.

Na indústria automobilística, o vidro temperado é empregado em algumas partes dos veículos, como janelas laterais e traseiras, por sua propriedade de quebrar em pequenos cacos que minimizam o risco de ferimentos graves em caso de acidente.

Além de sua aplicação em larga escala na arquitetura e no transporte, o vidro temperado também encontra seu lugar em móveis e utensílios.

Mesas de centro, prateleiras, tampos de mesa e até utensílios de cozinha se beneficiam de sua resistência e segurança.

A sua capacidade de resistir a variações térmicas o torna perfeito para portas de fornos e micro-ondas, proporcionando durabilidade e permitindo a visualização clara do interior.

No design de interiores, o uso do vidro temperado contribui para a criação de espaços elegantes, modernos e iluminados.

Sua transparência e resistência permitem a execução de projetos arquitetônicos audaciosos, com amplas áreas envidraçadas que conectam o interior ao exterior, sem comprometer a segurança.

Escolher o vidro temperado significa optar por um material que combina estética, funcionalidade e segurança.

Ele não apenas cumpre uma função prática em muitas aplicações, mas também adiciona valor e sofisticação a qualquer projeto, tornando-se uma solução inteligente e versátil para arquitetos, designers e consumidores finais.

Como ver se um vidro é temperado?

Identificar se um vidro é temperado pode ser crucial em muitas situações, seja durante a instalação, substituição ou simplesmente para garantir a segurança em um ambiente. 

Existem algumas dicas e técnicas que ajudam a distinguir o vidro temperado do comum, permitindo que até mesmo os não especialistas façam essa distinção de forma eficaz.

Primeiramente, é comum que o vidro temperado possua uma marcação ou etiqueta do fabricante, geralmente localizada em um dos cantos.

Essa marcação é feita durante o processo de têmpera e serve como uma certificação de que o vidro passou pelos procedimentos necessários para ser considerado temperado. 

Embora essa seja uma maneira direta de identificação, nem sempre a marcação é visível ou presente, especialmente em instalações mais antigas ou em peças que foram cortadas após o processo de têmpera.

Outra forma de verificar se o vidro é temperado é observar suas bordas.

O vidro temperado, devido ao processo de têmpera, tem bordas ligeiramente arredondadas, diferentemente do vidro comum, cujas bordas são mais afiadas e cortantes.

Essa característica não apenas diferencia os dois tipos de vidro, mas também contribui para a segurança do vidro temperado, minimizando o risco de cortes em caso de manuseio.

A resistência do vidro temperado também é um indicador, embora sua avaliação prática seja menos recomendada devido ao risco de quebra.

O vidro temperado é projetado para resistir a impactos significativamente mais fortes e a rápidas variações de temperatura.

Em cenários onde a segurança é uma prioridade, como em portas de vidro ou divisórias, a presença de vidro temperado é quase uma certeza.

Qual a diferença do vidro temperado e o normal?

A principal diferença entre o vidro temperado e o vidro comum reside na resistência e segurança que cada tipo oferece.

O vidro temperado é submetido a um processo de aquecimento e resfriamento rápido, que altera sua estrutura interna, tornando-o até cinco vezes mais resistente a impactos do que o vidro comum.

Além disso, em caso de quebra, o vidro temperado se estilhaça em pequenos pedaços menos cortantes, minimizando o risco de lesões.

Enquanto o vidro comum é mais econômico e fácil de cortar ou perfurar, ele não oferece a mesma segurança.

Quando quebrado, fragmenta-se em pedaços grandes e afiados, apresentando maior perigo.

O vidro temperado, por outro lado, devido ao seu tratamento térmico especial, não pode ser cortado ou alterado após o processo de têmpera; qualquer ajuste de tamanho ou forma deve ser feito previamente.

Essas características fazem do vidro temperado a escolha ideal para áreas que requerem maior segurança e durabilidade, como portas de chuveiro, fachadas de edifícios, vitrines e mais. 

O vidro comum, embora útil em muitas situações, é mais adequado para aplicações onde a resistência não é um fator crítico.

Assim, entender as diferenças entre eles é crucial ao escolher o material mais apropriado para cada projeto.

Qual é a diferença de vidro laminado e temperado?

Entender a diferença entre vidro laminado e temperado é fundamental para escolher o material certo para cada aplicação, garantindo segurança e atendendo a requisitos específicos de cada projeto.

O vidro laminado é produzido pela união de duas ou mais placas de vidro com uma camada intermediária de PVB (polivinil butiral) ou EVA (etileno acetato de vinila).

Essa camada mantém os fragmentos unidos em caso de quebra, oferecendo uma barreira de segurança adicional e redução de ruídos.

Por outro lado, o vidro temperado é conhecido por sua resistência a impactos, sendo até cinco vezes mais forte que o vidro comum devido ao seu processo de têmpera.

Ao quebrar, fragmenta-se em pequenos pedaços, diminuindo o risco de ferimentos graves.

O vidro laminado é ideal para locais onde a segurança é primordial, como em parapeitos, coberturas e áreas suscetíveis a impactos humanos, pois mesmo quebrado, os fragmentos permanecem aderidos à camada intermediária.

Já o vidro temperado é preferido em áreas que requerem uma maior resistência a impactos diretos e variações térmicas, como em portas de chuveiro, divisórias de ambientes e fachadas de edifícios.

Cada tipo de vidro tem suas vantagens, e a decisão entre usar vidro laminado ou temperado deve considerar aspectos como segurança, isolamento acústico, resistência a impactos e exigências legais específicas de cada local.

Você busca um serviço de vidraçaria bom e barato em Curitiba?

A Curitividros oferece soluções completas em vidraçaria para atender todas as suas necessidades, seja para projetos residenciais, comerciais ou personalizados. 

Compreendemos a importância de escolher o vidro certo para cada espaço, garantindo não apenas a estética desejada, mas também a segurança e durabilidade que você precisa.

Nossa equipe de especialistas está pronta para fornecer consultoria personalizada, ajudando você a escolher entre vidro temperado, laminado, ou qualquer outra opção que melhor se adapte ao seu projeto.

Trabalhamos com materiais de alta qualidade, tecnologia de ponta e técnicas avançadas para entregar resultados excepcionais que superam as expectativas.

Além disso, entendemos que custo é uma consideração importante.

Por isso, nos esforçamos para oferecer serviços a preços competitivos, sem comprometer a qualidade ou a segurança.

Com nosso compromisso com a excelência, transparência nos orçamentos e prazos cumpridos rigorosamente, somos a escolha certa para quem busca o melhor custo-benefício em serviços de vidraçaria em Curitiba.

Entre em contato conosco hoje mesmo para um orçamento sem compromisso e descubra como podemos ajudar a transformar seu espaço com soluções em vidro elegantes, duráveis e seguras.

Clique aqui e fale com a gente!

Perguntas frequentes que recebemos

O vidro temperado pode ser cortado?

Não, o vidro temperado não pode ser cortado após passar pelo processo de têmpera, pois isso comprometeria sua estrutura e segurança.

Por que se chama vidro temperado?

O vidro temperado recebe esse nome devido ao processo de têmpera térmica a que é submetido, aumentando sua resistência.

Qual o tipo de vidro mais seguro?

O vidro laminado é considerado o tipo mais seguro, pois mantém os fragmentos unidos em caso de quebra, reduzindo o risco de lesões.

O que é mais caro vidro temperado ou laminado?

Geralmente, o vidro laminado é mais caro que o temperado devido ao seu processo de fabricação e materiais envolvidos.

Qual é o nome do vidro que não quebra?

O vidro que “não quebra” é uma descrição comum para o vidro laminado, embora possa quebrar, os fragmentos permanecem aderidos à película intercalar.

Quanto tempo dura o vidro temperado?

O vidro temperado dura muitos anos, sua durabilidade depende das condições de uso e instalação, mas geralmente supera outras formas de vidro.

Qual é a cor do vidro temperado?

O vidro temperado geralmente não tem cor, sendo transparente, mas pode ser produzido em cores variadas através de processos adicionais.

O que faz um vidro temperado quebrar?

Um vidro temperado pode quebrar devido a impactos fortes, variações extremas de temperatura ou danos nas bordas.

Quanto custa o metro quadrado de vidro temperado 6mm?

O custo do metro quadrado de vidro temperado de 6mm varia conforme a região e o fornecedor, sendo necessário consultar valores atualizados.

Quantos quilos suporta um vidro temperado de 6mm?

Um vidro temperado de 6mm pode suportar aproximadamente 120kg, mas isso pode variar conforme a qualidade e as condições de instalação.

Qual a melhor espessura de vidro temperado?

A “melhor” espessura de vidro temperado depende da aplicação; para portas e divisórias, 8mm a 10mm são comuns, enquanto para janelas, 6mm pode ser suficiente.

Qual espessura mínima para vidro temperado?

A espessura mínima para vidro temperado geralmente é de 4mm, adequada para pequenas aberturas ou aplicações internas.

Abrir bate-papo
Faça um orçamento aqui!